Páginas

segunda-feira, 22 de novembro de 2010


De todas aquelas coisas que eu lembrei, de todas aquelas que realmente valiam a pena e que eram importantes pra mim poder guardadr na minha coleção de memórias, notei que você era uma das coisas mais raras e valiosas de todas.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Logo pela manhã, li a carta que ele havia me deixado em cima da mesa, na cozinha.
Na carta, assim estava escrito, em letras bonitas:


Meu bem...

...E agora já pode seguir o teu caminho sem mim. Já aprendeu todas as lições que eu tinha a lhe ensinar, já sabes que se errar e cair, pode levantar e tentar outra vez. Espero que não erre tanto, mas que se doe muito em tudo de intenso que fizer. Já tens gravado em tua consciência de que deves procurar fazer tudo da melhor e mais perfeita forma possível, e que deves ser persistente, pois nada na vida é fácil, porém não é bom desistir tão rapidamente de sonhos, desejos, tentativas... Nada caíra do céu, e disso você sabe, por isso vá sempre atras daquilo que deseja, mesmo quando o que você deseje pareça ser impossível de ser alcançado. Tenha sempre a certeza de que nada é impossível quando se acredita fielmente naquilo que deseja. Lembre-se sempre disso !
Pense sempre antes de agir, e procure pensar nas coisas certas. Confie em sorrisos e não em lágrimas, sorrisos são sempre bem mais sinceros. Chore quando for preciso, não guarde nada dentro de ti, não acumule sofrimentos e nem tristezas, coloque tudo pra fora quando for necessário.
Ame da mesma forma que sorri: intensamente.
Se entregue da mesma forma que observa: cuidadosamente.
Aja da mesma forma que pensa: atenciosamente.
Nunca deixe ninguém te fazer desistir de nada. Sonhe sempre, e o mais alto que puder, mas sempre mantenha os pés no chão, mesmo quando a tua mente estiver num lugar bem distante. Pense bem mais no hoje do que no amanhã. Tente errar menos, sem deixar de viver da forma como tu queres. Nunca desanime no meio do caminho. Lembra sempre, que depois da chuva vem o arco-íris, e que a tristeza não dura pra sempre. Quando estiver se sentindo só, paixão, lembra-te que a solidão é passageira.
Seja feliz, nunca me esqueça e viva intensamente. Esses são os meus maiores desejos.
Eu te amo.

P.S : Não voltarei, mas se sentir a minha falta, coloque a mão sobre o teu coração, cada pulsar teu, é meu também. Somos apenas um. Sempre.
M. T, seu amor eternamente.
As lágrimas foram inevitaveis apos ler a carta do meu amor, que me mandava seguir em frente...

sábado, 13 de novembro de 2010

Estou aprendendo aos poucos, a lamentar menos às perdas e chorar menos com as derrotas. Estou aprendendo a me acostumar com as chegadas e partidas que a vida esfrega na cara da gente. Se você ainda, não se acostumou com as reviravoltas da vida, se prepare, pois infelizmente, essa é a triste e cruel realidade.

- Hoje, tudo está bem. Amanhã, eu já não sei ...

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

A menina que um dia descobriu a paz do amor

E a menina só precisava de um lugar calmo e seguro, onde o vento forte e os barulhos agitados da cidade, não atrapalhassem, nem seus pensamentos e nem suas canções. A menina chorava todas as noites com saudade de um ombro amigo, para poder se apoiar. Chorava também, porque necessitava sentir a brisa do mar no rosto, e só o que conseguia sentir era o ar abafado de um dia quente.
A menina só desejava um pouco de paz. Queria ver nascer um dia mais bonito, com mais pássaros cantando, queria rotina diferente, pôr-do-sol, sorrisos e banho de mar. Isso pra ela significava a mais absoluta paz do mundo.
A menina ainda sorria, porque era necessario para sua sobrevivência, num lugar onde o caos toma conta.
O tédio à tentava dominar todos os dias, mas ela resistia à se entregar a ele. As pessoas diziam que a menina nuca arranjaria um amor de verdade, mas isso era apenas mais uma coisa que as pessoas diziam. Falavam, falavam sem nem saber ao certo o que realmente estavam falando, mas a menina não se importava.
O amor chegou para a menina.
Ela não pede mais paz, pois encontrou no sorriso dele, toda a paz necessaria no mundo.
Hoje ja não quer mais saber de ver o pôr-do-sol sozinha, pois tudo que ela faça sem ele acaba sendo incompleto.
Hoje ja não chora mais a noite, pois está ocupada em meio de abraços ...
Essa é a menina que um dia descobriu a paz do amor.

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

O meu coração continua sendo teu

Eu pensei o dia todo em você. Fiquei imaginando para quem você anda distribuindo os seus sorrisos, aqueles sorrisos sinceros, que me forçaram a te amar com a intensidade que te amo agora. Quero saber como você está e se tem alguém por perto pra te dizer o que fazer, porque sei que sozinho você se perde, e as vezes fica sem saber como agir. Queria o teu olhar mais uma vez, queria te ver sorrir apenas hoje, pra mim poder dormir em paz, queria um olhar teu, pra satisfazer a minha vontade de te ter por perto, queria uma palavra tua, para poder guardar pra sempre a tua voz na minha mente. Mas a verdade é que eu só queria te ter aqui, agora.
E te dizer, que de todas as vezes que eu tento me convencer de que estou bem melhor sem você, logo vejo que estou errada, pois sem você a minha vida não anda e acaba tendo pouco sentido. Tempos que não te encontro, mas ainda te sinto aqui dentro de mim e peço a Deus pra te encontrar brevemente.Quero apenas te contar das coisas que andam me acontecendo e te abraçar. Preciso ouvir de você que 'vai ficar tudo bem'.
Se estiver melhor sem mim, ficarei feliz por você,
mas apenas peço que me ligue dizendo um 'oi ou mande algum sinal, dizendo que está tudo bem, e dizendo que está feliz. Talvez eu até fique melhor com a notícia, pois a tua felicidade sempre esteve nos meus planos. E se eu não fui capaz de te completar, espero que alguém te complete e seja a tua outra metade, como você sempre sonhou.
Mas só espero que saiba de uma coisa: eu sempre te amei e continuo te amando. Estarei aqui sempre que precisar.
E se voltar, não se explique, só diga que me ama e isso basta pra mim.
Só quero te lembrar que esse coração continua sendo teu.